Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação

O interruptor inteligente é um dispositivo simples, porém poderoso. Ele faz a sua casa se tornar inteligente. Eu me arrisco a dizer que o interruptor inteligente é a peça essencial na sua automação residencial.

Isso tudo acontece porque o interruptor permite que você automatize as luzes da sua casa. Ele adiciona novas possibilidades para a sua automação e mantêm o que já existe. É o melhor de todos os mundos.

Existem vários modelos de interruptores inteligentes e várias possibilidades de instalação. Você pode escolher a mais adequada para a sua realidade.

Então vamos começar o próximo passo da sua automação residencial.

A importância do interruptor inteligente

A verdade é que o pilar principal da automação residencial é a iluminação. Se a sua iluminação não está automatizada, sua automação não está completa.

Muitas pessoas se enganam quando acham que ao comprar uma lâmpada inteligente a sua iluminação estará automatizada. Isso acontece porque as casas continuam usando interruptores tradicionais. Estes interruptores cortam a corrente elétrica e a lâmpada para de funcionar.

Eu já escrevi um artigo onde falo tudo sobre lâmpadas inteligentes e expliquei esse problema. É só acessar por aqui e entenda o que estou falando.

O interruptor inteligente, por outro lado, resolve o problema de automatizar a iluminação.

A ideia é que o interruptor inteligente tenha um botão físico que permita sua utilização tradicional e também tenha acesso via aplicativo.

Assim, você pode ligar o interruptor com o botão físico. Desligar via aplicativo. E vice-versa. Você também pode usar só o aplicativo ou só o botão físico.

O interruptor inteligente é bem flexível e não é caro, permitindo sua utilização em toda a casa.

É claro que isso pode variar de modelo para modelo. Existem modelos que não têm um botão físico. Cada um tem a sua utilização.

Forma de comunicação

Assim como a lâmpada inteligente, os interruptores têm vários protocolos de comunicação. Pode ser Wi-Fi, ZigBee e até via radiofrequência.

Cada tipo de forma de comunicação tem as suas aplicações. Os interruptores Wi-Fi se comunicam diretamente com a internet através do seu roteador Wi-Fi. Os interruptores ZigBee se comunicam com o hub ZigBee (e esse pode se conectar a internet).

Já os interruptores via radiofrequência costumam funcionar apenas dentro de um limite de distância. Você geralmente precisa de um controle para interagir com ele. Controles de portões eletrônicos, em geral, funcionam via radiofrequência.

Neste artigo, vou assumir que estamos falando sobre interruptores Wi-Fi. Eles se comunicam com a internet e têm aplicativos.

Modelos de interruptores inteligentes

Existem alguns tipos de interruptores inteligentes. Aqui vou abordar alguns deles, mas você vai perceber algo. Todos têm a mesma função.

O que distingue cada um é uma aplicação mais fácil e / ou mais barata para determinada situação.

Interruptor com botões e espelho

Esse é o interruptor inteligente que mais se assemelha ao interruptor tradicional.

interruptor inteligente botoes espelho - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Interruptor inteligente com botões e espelho

Estes interruptores da foto acima substituem o seu interruptor tradicional inteiro. Você deve substituir o tradicional por este. Repare que o botão deste modelo é touch, ele não tem um botão tradicional.

Mas isso é uma característica deste modelo, existem outros modelos que têm um botão tradicional. Algumas pessoas não gostam do touch já que é mais difícil identificar o exato local do botão.

Esse interruptor possui um módulo que se comunica com o aplicativo. Assim quem fez o controle da iluminação e este módulo. Ele liga e desliga obedecendo o comando do botão ou do aplicativo.

Se você estiver de olho em um interruptor inteligente, dá uma olhada nessas sugestões.

Módulo relé com conexão com o interruptor

Esses dispositivos são instalados dentro da caixa do interruptor (ou junto ao lustre) e funcionam junto com o interruptor tradicional.

Esses interruptores são pequenos justamente para serem instalados dentro da caixa do interruptor.

interruptor inteligente sonoff mini - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Interruptor inteligente interno

Esse módulo se comunica diretamente com a iluminação para ligá-la e desligá-la. O módulo também deve ser ligado ao interruptor.

Quando o interruptor físico é acionado, o módulo identifica que o botão foi acionado e liga / desliga a iluminação. Assim, você consegue acionar a luz usando o interruptor tradicional ou através do aplicativo.

A vantagem desse módulo é que você pode usar o interruptor que já tem em casa. E esse módulo tende a ser mais barato que o interruptor inteligente já com botão.

A desvantagem é que se a sua caixa estiver muito cheia, pode ser difícil acomodá-lo dentro dela. Além disso, se o seu interruptor tiver mais de um botão, encaixar vários desses módulos será desafiador.

Mesmo assim, você pode acomodar o módulo em qualquer lugar. Se não couber na caixa do interruptor, você pode instalar no teto junto ao lustre.

Aqui em casa, todos meus interruptores estão automatizados usando este módulo. Tenho mais de 20 deles aqui. Eu uso a versão ZigBee, mas também tem a versão Wi-Fi.

Esse módulo funciona tanto para os interruptores simples como para os interruptores paralelos (three-way). Isso torna o uso dele bem amplo.

Vários canais

Além disso existem módulos com vários canais. Imagine que você tem uma caixa de interruptor com três interruptores. Nesse caso, você precisaria de três módulos (um para cada interruptor), certo? Não necessariamente.

Existem módulos com um, dois, três ou quatro canais. Então, você consegue controlar de um a quatro interruptores diferentes em um mesmo módulo. Por experiência própria, é bem difícil instalar dois desses módulos em uma caixa de interruptor; três então… Impossível.

Módulo relé sem conexão com o interruptor

Parecido com o caso anterior, existem dispositivos que se ligam diretamente a iluminação, mas não possuem ligação direta com o interruptor físico.

Esses módulos são maiores e possuem vários canais (um módulo pode controlar várias iluminações distintas). Eles são feitos para serem instalados na caixa de força da casa ou no forro.

A ideia é que eles fiquem em um local central para controlarem várias iluminações distintas, assim você não precisa instalar um módulo para cada iluminação.

Esses módulos são viáveis para serem instalados (ou ao menos planejados) na construção / reforma da casa ou quando você tem fácil acesso à fiação.

interruptor inteligente sonoff multi channel - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Interruptor inteligente interno de 4 canais

Esses módulos, sozinhos, só conseguem acionar a iluminação através do aplicativo. Entretanto, eles têm radiofrequência. Ou seja, você conseguiria acioná-lo também através de um controle de radiofrequência (como aqueles de portão eletrônico).

Mas existem controles de radiofrequência no formato de interruptor para ser usado justamente nesses casos. Assim, você pode colar o controle na parede e usar normalmente como interruptor.

interruptor inteligente controle radiofrequencia - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Controle de radiofrequência

A imagem acima é um exemplo desses controles. Neste caso, há apenas um botão, mas existem modelos com 2 e 3 botões.

Instalação do interruptor inteligente

Cada modelo de interruptor inteligente tem as características e formas de instalação próprias, mas a maioria segue um mesmo padrão.

A ideia é que a instalação do interruptor seja fácil e simples. Desde que você já tenha a fiação de um interruptor tradicional. Mas ainda assim, requer um fio adicional (não necessário em interruptores tradicionais).

Um interruptor tradicional possui dois fios: fase e retorno. A fase é fio pelo qual a corrente elétrica passa. O retorno é o fio que vai do interruptor até o lustre.

O interruptor interrompe a corrente elétrica. Quando ele liga, permite que a corrente vá para o lustre, ligando a luz. Quando desliga, interrompe a corrente elétrica, desligando a luz.

interruptor inteligente esquema eletrico interruptor - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Esquema elétrico do interruptor tradicional. Crédito: ResearchGate

O esquema elétrico acima mostra a instalação de um interruptor tradicional. O fio vermelho é o fase e o fio preto é o retorno.

O interruptor inteligente, entretanto, precisa de um fio neutro também. Isso porque o interruptor inteligente é um dispositivo eletrônico e precisa de energia para funcionar.

O fio fase da instalação tradicional e o fio neutro extra permitirão o interruptor funcionar. Com isso, ele consegue gerenciar a iluminação que ele está ligado.

Os interruptores tradicionais não precisam de neutro para funcionar. Mas as lâmpadas e tomadas precisam do neutro. Dessa forma, em geral, não é difícil puxar um fio neutro da lâmpada ou de uma tomada próxima.

Isso, porém, pode ser um problema dependendo da sua realidade. Dessa forma, existem interruptores inteligentes que funcionam sem neutro. Mas, geralmente, eles exigem a instalação de um capacitor na lâmpada para que funcione corretamente. Sem o capacitor, a lâmpada pode ficar piscando ou não ligar / desligar corretamente.

Recomendo que você sempre opte pelo interruptor com neutro, mas se não for possível existe essa possibilidade. Apenas saiba que provavelmente será necessário uma instalação extra (do capacitor).

Os relés com conexão ao interruptor físico possuem outras duas conexões. Essas conexões são para ligar o interruptor tradicional ao relé. Dessa forma o interruptor físico trabalha em conjunto com o relé.

A instalação do interruptor não é difícil, mas energia elétrica pode ser perigosa. Se você não sabe como fazer isso, contrate um eletricista de confiança. Como é um dispositivo simples, qualquer eletricista conseguirá fazer a instalação.

Cuidado com o que for usar

Eu já vi alguns casos de pessoas que queriam ligar e desligar um ar-condicionado através de um interruptor inteligente. Mas não recomendo que faça isso.

Ar-condicionado é um equipamento que tem uma corrente muito alta, algumas vezes passando dos 16A (dependendo da sua potência). E os interruptores têm uma corrente máxima, em geral, entre 10A e 16A. Se você ligar um equipamento com maior corrente, provavelmente vai danificar seu interruptor, além de poder causar outros problemas para a sua rede elétrica.

Além disso, com o interruptor, você vai conseguir apenas cortar e fornecer energia para o ar-condicionado. Isso não vai te ajudar muito na automação. Para esse tipo de necessidade, recomendo a utilização de um controle remoto inteligente.

E fique atento, não é só com o ar-condicionado! Máquina de lavar roupa, secador, lava louças, entre outros também têm uma potência bem alta; por isso tome cuidado!

Assistentes virtuais

Os assistentes virtuais têm suporte para interruptores, tanto a Alexa como o Google Assistente. Assim, você consegue ligar e desligar o interruptor usando o aplicativo do assistente e comando de voz.

interruptor inteligente alexa - Interruptor inteligente, a peça essencial na sua automação
Interruptor inteligente na Alexa

Ainda assim, o modelo do interruptor em questão precisa ter integração com o assistente. Existem modelos que não têm esse tipo de integração. Nesse caso, não são reconhecidos.

Por isso, fique atento antes de comprar os dispositivos.

Qual é o melhor interruptor?

Bem, depende da sua necessidade.

Particularmente, aqui em casa eu uso o relé com conexão de interruptor físico. Por dois motivos:

  • É mais barato
  • Posso usar os interruptores que já estão instalados em casa

Mas isso é muito pessoal. Por exemplo, os interruptores com espelho geralmente são muito bonitos. Chamam muito a atenção com o visual moderno, além da instalação ser mais simples.

Se você estiver construindo ou reformando uma casa, o módulo relé multicanais sem conexão com o interruptor físico pode ser uma boa alternativa.

Enfim, você precisa entender sua necessidade e fazer a decisão que faça mais sentido para a sua realidade.

Paralelo

Algo importante para levar em consideração é o paralelo. O paralelo é quando dois interruptores controlam a mesma lâmpada.

Os módulos relé permitem a instalação do paralelo físico, porém dependendo do modelo a instalação pode exigir a passagem de fios extras entre os interruptores.

Já os interruptores não permitem o paralelo físico, mas para isso tem uma solução: o paralelo virtual.

O paralelo virtual é quando você cria regras para acionar os interruptores de forma virtual.

Na instalação, um dos interruptores fica conectado a lâmpada através do retorno e o outro (o paralelo) é instalado mas não tem nenhuma conexão ao retorno.

Então, basta criar automações de quando o paralelo (não ligado ao retorno) for acionado o interruptor (ligado ao retorno) acionar a lâmpada.

A ideia funciona bem, mas se houver alguma latência na rede a resposta da lâmpada pode ser lenta (ao acionar o paralelo levar vários segundos para a lâmpada ser acionada). No dia-a-dia isso pode incomodar muito.

O paralelo virtual pode ser usado em módulos relés também. Em casa eu tenho alguns paralelos virtuais e eles funcionam muito bem.

Conclusão

Interruptores inteligentes são muito flexíveis e criam o coração da automação residencial. Como eles estão sempre ligados, permitem serem acionados a todo o momento.

A grande vantagem do interruptor inteligente é quando você pode acioná-lo fisicamente (com o botão na parede) ou via aplicativo. E essas duas maneiras funcionam de forma integrada.

Eu te vejo na próxima, tchau!

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. Parabéns pelo conteúdo! Pesquisei vários artigos e, sem dúvidas, o seu foi o mais explicativo para quem não é da área. Obrigado por compartilhar o conhecimento.